Anonymous BR vaza dados pessoais de Bolsonaro, familiares e Ministros

Compartilhe!

Nesta segunda-feira, 01/06, o Anonymous Brasil divulgou em sua conta no Twitter os dados pessoais de Bolsonaro e de sua família. O Anonymous é um grupo internacional de hackers que protestam contra governos e corporações pelos direitos dos cidadãos. Além de Bolsonaro, também foram divulgadas informações pessoais de vereador Carlos Bolsonaro (PSC-RJ), deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) e senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) e dos ministros Abraham Weintraub, da Educação, e sua esposa, Daniela Weintraub, de Damares Alves, Ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos. O empresário Luciano Hang e o deputado federal Douglas Garcia (PSC-RJ) também foram alvo do grupo, que divulgou seus dados pessoais.

dados pessoais de bolsonaro lgpd

O nome Anonymous foi inspirado no anonimato sob o qual os usuários postam imagens e comentários na Internet. O termo também é muito comum entre os membros de certas subculturas da Internet como sendo uma forma de se referir às ações de pessoas em um ambiente onde suas verdadeiras identidades são desconhecidas.

O Anonymous voltou à ativa no domingo, 31/05, quando compartilhou um vídeo no Twitter ameaçando expor autoridades dos Estados Unidos e todos os crimes da polícia no país. A ação ocorre em meios às manifestações que tomaram conta dos Estados Unidos pelo assassinato, com indícios de crueldade, de George Floyd pela polícia de Minneapolis.

Na mesma mensagem, o grupo de hackers também citou Bolsonaro ao sugerir uma investigação sobre a ligação entre ele e o líder dos EUA:

“Algo que as pessoas devem olhar no Brasil é investigar se Bolsonaro tem algum vínculo com o traficante e estuprador de crianças John Casablancas, um associado próximo de Trump que atuou como proxy para os negócios de Trump no Brasil sob algum cargo obscuro e indefinido”, escreveu.

Veja o vídeo completo abaixo:

Anonymous Message To The Minneapolis Police Department

So it begins …

Posted by Anonymous on Thursday, May 28, 2020

Vazamento de dados pessoais de Bolsonaro e Família

O grupo hacker vazou os dados pessoais de Bolsonaro e sua família onde constam informações como: endereço, CPF, nome completo, nome da mãe, título de eleitor, declaração de bens, entre outras informações sensíveis.

anonymous brasil bolsonaro
anonymous brasil bolsonaro
Anonymous Brasil Bolsonaro
Anonymous Brasil e Dados de Bolsonaro

Twitter suspende a conta do Anonymous Brasil após vazar dados de Bolsonaro

Após o vazamento de dados do Presidente Bolsonaro, a plataforma do Twitter suspendeu a conta do grupo hackerativista por violação às regras da rede social.

Dados pessoais de Bolsonaro

Pelas regras da plataforma, os usuários não podem publicar informações pessoais de outras pessoas (como número de telefone e endereço residencial) sem a autorização e permissão expressa das mesmas. Além disso, a rede social não permite a ameça de exposição de infromações privadas ou mesmo o incentivo da prática.

Saiba mais sobre Compliance Digital!

Vazamento de dados pessoais e a LGPD

A Lei 13.700/2018Lei Geral de Proteção de Dados, entraria em vigor em Agosto de 2020 se não fosse o seu adiamento a partir da MP 959/2020 assinada pelo Presidente Bolsonaro.

O Diploma Legal prevê direitos e garantias relativo ao tratamento de dados pessoais de pessoas naturais bem como, sanções e penalidades para pessoas físicas ou jurídicas que infrinjam quaisquer de seus dispositvos.

Ou seja, uma pessoa física que utilize o dado pessoal, sem o consentimento do seu titular, de outra pessoa física também poderá responder pelos danos causados a esta.

E quais as sanções previstas pela infração aos dispositivos da LGPD?

I – advertência, com indicação de prazo para adoção de medidas corretivas;

II – multa simples, de até 2% (dois por cento) do faturamento da pessoa jurídica de direito privado, grupo ou conglomerado no Brasil no seu último exercício, excluídos os tributos, limitada, no total, a R$ 50.000.000,00 (cinquenta milhões de reais) por infração;

III – multa diária, observado o limite total a que se refere o inciso II;

IV – publicização da infração após devidamente apurada e confirmada a sua ocorrência;

V – bloqueio dos dados pessoais a que se refere a infração até a sua regularização;

VI – eliminação dos dados pessoais a que se refere a infração;

X – suspensão parcial do funcionamento do banco de dados a que se refere a infração pelo período máximo de 6 (seis) meses, prorrogável por igual período, até a regularização da atividade de tratamento pelo controlador; 

XI – suspensão do exercício da atividade de tratamento dos dados pessoais a que se refere a infração pelo período máximo de 6 (seis) meses, prorrogável por igual período; 

XII – proibição parcial ou total do exercício de atividades relacionadas a tratamento de dados.

Para saber mais sobre Marco Civil da Internet e Responsabilidade de Provedores de Aplicação

Para mais informações ou se tiver dúvidas sobre Direito Digital, em especial acerca dos temas: Proteção de Dados (incluindo LGPD & GDPR), Aspectos Regulatórios e Compliance de novas tecnologias e regulação de criptoativos, entre em contato pelo e-mail contato@blconsultoriadigital.com.br. ou fale com um Advogado online agora.

BL Consultoria e Advocacia Digital

Escritório jurídico voltado para o mundo conectado que busca auxiliar empresas e startups a desenvolverem seus projetos (Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação) de forma ética e eficiente com atuação especializada em Direito Digital e Análise Regulatória para novas tecnologias. Estamos localizado em dois endereços: em São Paulo-SP, na Av. Paulista, 575 – conjunto 1903 – Bela Vista, CEP 01311-911 e em Campinas-SP, na Rua Antônio Lapa, 280 – 6o andar, Cambuí. Para mais informações ou consultoria jurídica com nossos advogados, agende uma reunião pelo link ou ligue  +55 11 3090 5979.


Compartilhe!